Erro meu, má fortuna, amor ardente!

2 Cotas - 2005/05/11

Então não é que me esqueci do equipamento http://www.geocaching-pt.net/cgi-bin/index.cgi?action=forum&board=geo_topics&op=display&num=210 mais importante!
As piquenas! Ou os apêndices, como lhes chama um anúncio em voga. As que aquecem a nossa alma quando o corpo gela de frio, (Ou será ao contrario? Ou melhor ainda: vice versa). Mulheres, amantes, namoradas, amigas e demais variantes, (não comecem já aos saltos, a ordem é arbitrária…)

Bem, seja como for, quero dizer a moçoilas que vão connosco ás caches. Não sei como é com vocês fazem mas cá eu preciso de companhia. Não é bem para não me perder, que nesse aspecto balhametheus, nem para levar a jócáxómuxila, mas dá-me jeito na escrituração e no apoio moral. Depois de algumas reclamações por spoiling nos loguebuques entreguei-lhe a tarefa. Nunca mais tive reclamações. Deixaram foi de perceber a escrita mas também já não percebiam antes. Tudo normal!

A minha maria, com o seu apurado sentido de desorientação, é perfeitamente capaz de começar a procurar a cache assim que o GPS começa a indicar menos de 100 metros, basta o carro parar. E não é que por vezes encontra-as… Por isso já só lhe digo onde é o ponto zero mesmo no local. Funciona, encontra as caches em três tempos. Melhor que eu. Parece que lhe dá o cheiro. Ainda não fez a avaria de espreitar pela janela do carro e dizer: “vê ali”, porque senão já tínhamos passado á fase de lhe dizer para mover algumas partes do corpinho e ir lá espreitar, tudo em linguagem gestual claro… Mas lá nos entendemos.

Para isso também contribui uma capacidade muito especial de se pendurar para dentro de tudo o que é silva e arbusto. Connosco não funciona a técnica “Manelitica”, pois quando experimentei, passei o tempo todo á procura dela. Mas também já me aconteceu ficar tão admirado por não a ouvir refilar que quando olhei tinha-a perdido 200 metros lá atrás. Rapidamente “refilou” o tempo perdido. Uma vez caiu dentro de um arbusto de tal maneira que só dei por ela pelo som. Nem um bracito se via.

Mas faz companhia, não me deixa adormecer nas viagens compridas, tem um sentido especial de critica aos “outros modelos”, (alias, um sentido especial de critica. Ponto.), é quentinha no Inverno e “fresquissima” durante todo o ano.
E posso empenhar-me decentemente em algumas caches, por exemplo no Poço de Mistério ou nas Penas do Castelo e encarar os passeios tipo Grutas de Leceia, com mais á vontade, sem culpas existenciais ou instintos suicidas porque, normalmente, fica tão ou mais ca’ada que eu. Ainda tenta olhar-me com aquele ar assassino que costumam fazer, mas depois lembra-se e passa-lhe. Fica apenas durante um bocado a sacudir-se, pensativa se a coisa ocupa 1 ou 2 máquinas.

Surpreendentemente tem a mesma opinião que eu sobre as caches da cidade e as micros e já começa a refrear-se nos comentários sobre a qualidade. Já não me inferniza o juízo se a cache é do tipo GCM. Mas regista. Melhor que eu! Ainda o outro dia olhou para mim e disparou á queima-roupa: – Já te esqueceste? – Já me esqueci de quê? (Obviamente que sim…!)
Só preciso de lhe dizer o tamanho e de quem é. Não é que sirva de muito, já fez milhentas caches em grupo, de encontros, de mitupes e caçadas, mas invariavelmente e com um arzinho um tudo-nada distraído, pergunta de todos sem excepção: – Quem é esse?
Agora anda a lixar-me as ideias das caches e põem-se a dissertar sobre as “Nossas” caches futuras. Pensar em fazer uma cache em Lisboa? – Para quê? Para teres muitos logues?
Até já lhe deu na cabeça de me sugerir mudar uma cache 40 km mais pró lado!
Não pode ouvir ninguém, ninguém mesmo, dizer: “-Olha, sei de um sítio muito giro”, que aquela cabecinha começa logo a fazer planos. Para mim! Depois, se não saem como ela idealiza, lá estou á pega.

Uma cache por dia, 1 vez por mês no máximo. E já gozas. Antigamente ainda me vingava nas Locationless, mas como comecei a ouvir das quentes e boas nos mitupes já nem isso. Agora só mesmo com taparuere. Assim não há contagem que aguente, qualquer gato-sapato me ultrapassa. Mas o que mais me chateia é contabilizar as visitas de manutenção, de prospecção, casamentos e baptizados, com a mais pura das caçadas. É tudo igual, não liga nenhuma.

O outro dia ia-me metendo em trabalhos. Andou a por defeitos na cache que tinha escolhido para a centésima. Deixei-a escolher. Caiu o Carmo e a Trindade. Coisa mais foleira não há. Então não é se desbroncou no log book? E ameaçou-me de fazer ela a apresentação em Power Point se eu insistisse em não mandar vir com o owner. Eu que já sou desbroncado que chegue fiquei um pouco sem jeito! Se digo o que ela quer sou fuzilado, se escrevo o que me parece, suicidado. Vou passar a escrever: linda vista, muito bonito, parabéns!

Nem quando temos companhia me safo. Se for uma das irmãs ou cunhadas, ficamos espalhados pela serra acima aí uns 3 km. Até passagem de modelos fazem. Se vamos com algum sobrinho, passa todo o santo tempo a mandar-me ter cuidado com os putos. Mesmo os que já andam na tropa…

Bem, mas podia ser pior.

E vocês?

(as piquenas do grupo podem escolher, ou mandam bitátes sobre os acompanhantes, ou contam a própria historia de modo imparcial, claro…)

Fiquem bem!

2 responses so far ↓

  • 1 btrodrigues // May 11, 2005 at 22:12

    …desde que a minha cara metade fez a "six feet under" que me rendi. se fez aquela, faz todas, não há hipótese!

    agora passo-lhe o GPS para a mão e deixo-a ir à frente. e depois de andar às voltas para um lado e para o outro à volta do ponto zero (por esta altura já eu vi onde é que a cena está escondida) passa-me o aparelho para a mão e diz-me para ir enfiar as mãos nos buracos que andam prali a ver se a apanho.

    ganhou foi a mania de sair de casa de botinhas com salto alto e saia. já se sabe o lindo efeito que isto tem em caches com lama, silvas, pedras soltas e carraças. pois. adivinhem quem é que acaba por andar a fazer o trabalho sujo: moi meme.

    🙂

  • 2 portelada // May 13, 2005 at 11:23

    …ei nem te digo da evolução registada pela Vera !!!

    Passou de um …

     "-eiii temos de ir , vamos para uma esplanada!!"  

    para um …..

    "…bbrrruuuuu …..(jimny a trepar) ….. é já ali !!!  haaaaaggggg….é já ali !!!!  …esta é minha !!!!

    ás vezes é um bocado assustador !!!!

Leave a Comment


Geocaching@PT 2008 · Powered by WordPress
Disclaimer · Contact Form
Stats: 35 queries in 0.101 seconds.