Cobras e Lagartos

- 2006/05/14

No dia 2 de Abril de 2006, por terras da Fig da Foz, em busca da cache "Ruinas do Pharol do cabo Mondego" sucedeu um fenómeno estranho… muito estranho… muito mesmo!
Avistámos um "bicho" que encarnava a prevaricação entre duas espécies de répteis: uma cobra e um lagarto!

http://www.geocaching.com/seek/log.aspx?IID=77104983-e3ac-4c3f-b32c-73f85c9e9fe6&LID=14317171

Desde então tenho dado voltas à cabeça a tentar descobrir que raio de ser era aquele… meio cobra-meio lagarto, e ainda por cima tão simpático que se deixou fotografar à grande.

Na semana passada, ao folhear um livro antigo (1995) denominado "Portugal Natural", a minha mãe (que estava connosco nessa cachada) encontrou uma foto de um primo da cobra-lagarto que tínhamos descoberto.

E aqui vai a explicação… e preparem-se que o tal do bicho existe em todo o território nacional. Eles andem aí… 🙂 espero que vocês também o possam ver!

Finalmente solucionado o mistério da cobra com pernas!

A cobra-de-pernas pertence, de acordo com os cientistas, ao grupo dos sáurios ou lagartos, embora se pareça muito com uma cobra: corpo cilíndrico e alongado e cauda bastante comprida, relativamente ao tamanho do corpo. As patas é que estragam tudo! São 4 e acabam em grupos de 3 ou 5 dedos. Alimentam-se principalmente de escaravelhos, caracois e aranhas. Aparecem preferencialmente em zonas de solos arenosos e perto de cursos de água. Existe em todo o país.

O "bicho" estava, de facto, numa caleira no chão. E mexeu-se muito devagar, mais "à lagarto" que "à cobra"… pronto… já podemos todos dormir melhor agora 😉

Boas cachadas,

Sara

9 responses so far ↓

  • 1 Walrus // May 14, 2006 at 20:56

    Este simpático animal é também chamado de Fura-Pastos pela sua mania de furar pastos… [:d]

    Nunca tive a sorte de encontrar um em nenhuma cache 🙂

  • 2 danieloliveira // May 14, 2006 at 21:26

    …e o arroz de ervilhas?

  • 3 ricardorsilva // May 15, 2006 at 12:33

    Chamar a uma cobra com pernas, "cobra-de-pernas" é demasiado óbvio! Não se safam!

    Exigimos nome científico e com letra maiúscula na primeira palavra e minúscula no início da segunda. Ah, e em itálico!

    Lynx Pardinus

    P.S- Eu agora sou perito em taxonomia. Ninguém apanha táxis como eu!

  • 4 MAntunes // May 15, 2006 at 14:08

    Chalcides striatus

    😉

  • 5 rebordao // May 15, 2006 at 17:31

    Agora fui eu que aprendi! Boa Walrus! E boa Mantunes! 😉
    Mas confesso que fui verificar. É que podia ser uma das outras espécies parecidas: a Chalcides ocellatus, a Chalcides chalcides, Chalcides bedriagai… mas não! Na mouche! É mesmo a Chalcides striatus (devido às riscas que tem provavelmente. Ocellatus já quer dizer que tem manchas circulares, por ex.) E chama-se também fura-pastos (reparem que nos nomes comuns já não se usa itálicos mas as palavras são todas unidas por hífens… 😉 )

    Mas não consigo é pôr em itálico 🙁 Oh Mantunes dá-me lá mais uma aulinha… como é que isto se põe em itálico???

    É que quando não é possivel usar o itálico (como quando se escreve à mão) deve-se sublinhar cada uma das 2 palavras SEPARADAMENTE. Mas tb não consigo fazer isso… 🙁 Tou mesmo naba… xiiiça! 😛

    Pois é… e o arroz de ervilhas ainda nem o cheirei…! Tou a ver que tenho que ser eu a faze-lo!

    Sara

  • 6 MAntunes // May 15, 2006 at 20:29

    1a:
    [ i]sem o espaço antes do 1º i[/i] = sem os espaço antes do 1º i

    2a:
    [ u]aparece sublinhado se tirares o espaço antes do 1º u[/u] = aparece sublinhado se tirares o espaço antes do 1º u

    (e obrigado ao btrodrigues que me confirmou isto 😉 )

  • 7 clcortez // May 15, 2006 at 23:20

    Este simpático bicho é extremamente frequente na época do Verão, que é quando aparecem e nos fazem companhia até ao fim do calor.
    O seu nome é também alcunhado de Fura Panascos porque é visto frequentemente no meio deste tipo de feno ( o Panasco é um feno muito fino e alto que veste toda a zona da minha casa, abundante no clima mediterrânico ).
    Desde sempre que me lembro desta "lagartixa" de cauda muito comprida, e algumas vezes ( a muito custo ) eu e os meus amigos conseguimos aprisionar algumas, conseguindo assim identificar as suas características ( são, na sua maioria, avermelhadas na zona anterior das patas ).
    Se forem à cache ToyBox durante os meses de Agosto e Setembro podem de certeza encontrar espécimes do nosso Fura Panasco.

  • 8 btrodrigues // May 16, 2006 at 12:41

    Code:
    <br><br> [b] texto negrito [/b] <br> [i] texto itálico [/i] <br> [u] texto sublinhado [/u] <br><br>

    há mais. vejam aqui

  • 9 danieloliveira // May 16, 2006 at 18:25

    Claúdio, não te enganes a escrever isso:)

Leave a Comment


Geocaching@PT 2008 · Powered by WordPress
Disclaimer · Contact Form
Stats: 34 queries in 0.099 seconds.