3º Encontro de Geocachers @PT – Como correu ?

- 2004/03/01

Ja esta a andar a organizaçao do 3º Encontro de Geocachers @PT que será no dia 29 de Fevereiro no Parque das Nações, Lisboa.
Passo a indicar o Programa das Festas bem como o funcionamento do jogo e como efectuar a inscrição.

Encontro e Ponto de Partida
•No Parque das Nações, num local cujas coordenadas serão reveladas oportunamente, numa data mais próxima do evento.

Programa das Festas
•14:00 Encontro no local de partida e respectivo Sign-IN
•Local de Partida: N38 45.945 W9 05.700
•14:30 Briefing,
entrega das folhas de jogo e partida
•18:00 Final da prova
•18:30 DeBreefing e respectiva
entrega dos prémios
•19:00 Jantar na loja de
pizzas do Bowling Internacional de Lisboa (ou em outro local a indicar), seguido de jogatana, para os que estiverem interessados, visto ser por conta
propria

Funcionamento do Jogo
ATENÇAO: As inscriçoes foram encerradas.

Equipas Inscritas: 18
Apoios:
Nautel – Sistemas Electrónicos, Lda
Parque das Nações
RedBull Portugal
Turismo de Lisboa
Instituto Geográfico Português
SiteFixe
Locatis


NOTA:Regulamento actualizado em 20/01/2004(Info😉


Era assim que o evento era apresentado, todos nos tivemos historias durante o jogo, de como correu, como nao correu, o que gostarm mais o que gostaram menos.. aqui é o local para contar como tudo correu naquele dia 25 de Abril de 1975, ups, dia 29 de Fevereiro de 2004.Cumprimentos e Obrigado em nome de toda a Organizaçao.

PH, Lobo Astuto e Rechena

4 responses so far ↓

  • 1 turtle // Mar 1, 2004 at 19:18

    bemmmm…nao correu muito bem mas…tambem nao correu muito mal para uma iniciada numa equipa de iniciadas:)
    pessoalmente gostei imenso:)
    a aventura comecou logo com uma coisa xamada gps…ahahhaha…
    depois passando por andarmos deitadas em cima de pontes,empuleiradas em muros e acabando a remexer caixotes do lixo ja podem imaginar a confusao:)isto ja sem falar na katy que resolveu ir ver a temperatura do rio tejo…mas acabou tudo em bem apesar do cansaço e de algumas pessoas que passavam por nos pensarem que andava tudo maluco…ahahhhaha….hoje tou que nem me posso mexer:(por mim so tenho a agradecer a organizacao e sempre que queiram fazer eventos destes contem comigo.e agora um bigado bem especial as outras duas lady’s katy e rita:)para iniciadas ate que fazemos uma bela equipa;)a todos as outras pessoas que conheci espero que nos voltemos a encontrar no proximo evento:)jinhos turtle

  • 2 mca // Mar 1, 2004 at 21:32

    Gostei IMENSO do encontro, a prova estava muito bem organizada, estava acessível quer para geocachers experientes quer para inexperientes, o convívio foi excelente (e as meninas da RedBull também eheh), foi óptimo!

    Como sei que estas coisas dão muito trabalho, quer na promoção do evento (leia-se: conseguir apoios e aprovações) quer na logística da coisa (leia-se: definir e colocar pontos), o que sem dúvida se reflecte na carteira e no tempo ´roubado´ à família, deixo aqui o meu MUITO OBRIGADO aos 3 organizadores PH, Lobo Astuto e Rechena.

  • 3 Lobo Astuto // Mar 2, 2004 at 10:31

    Terem-se despachado tão rápido!!!!
    Nunca pensámos que alguém fizesse os 14 pontos no tempo que tinhamos definido!
    Se fizer outro, acho que duplico o número de waypoints, triplico a distância e umas etiquetas mais pequenas, ou não!
    Estiveram todos 5 estrelas!
    Os jogos do Gecko são uma pedra!!!!! Sabiam que tem um jogo tipo o Snake da Nokia? E um labirinto onde temos de apanhar bandeiras, outro em que temos de martelar a lagartixa e um de memória. A questão agora é: Para quando o Tetris no GPS?
    hmmm… acho que tive tempo demais para não fazer nada :p
    Bem, pelo menos almocei 2 Redbull´s (com açúcar) e uma chewing gum e desfrutei a cara que o ppl fez quando se perguntava se queriam Redbull com ou sem açúcar, parecia que estavam à espera de qualquer pergunta menos aquela!!!! :o)
    O rodízio de pizzas tb estava bom e por via das dúvidas, não comi nenhuma com frango, a sangria estava óptima, acho que despejavam quase meia garrafa de vinho do Porto em cada jarro!!!!! 8P
    O bowling tb foi muito giro, mas acho que eu ou a Rita pifamos a pista e lá tivemos que trocar de pista :p

  • 4 Snoopy // Mar 2, 2004 at 22:03

    Este Domingo fomos a mais uma "caçada"! Mas, a começar pela hora de partida (o Sol já ia alto), foi uma caçada diferente… sem silvas, sem caganitas de coelho, sem grandes ralis da parte do meu "motorista"… Esquisita, esta "caçada".

    Chegámos ao local, cheio de gente por todo o lado, e ele começou logo  reclamar, por SMS, não sei com quem, de que "a cache não estava lá", "tinha sido roubada", etc, etc… Alguém lhe responde e depois…  "Que?!" "Ainda não abriu, também?" "Mas agora é moda as caches terem hora marcada, para se visitarem?!!" Bom… como imaginam, uma algazarra que só me fez desviar, estratégicamente, não fosse alguém pensar que eu estava com ele…

    Depois, esta "caçada" continuou estranha… mesmo sem haver cache à vista, continuaram a aparecer outros iguais a ele e – vá lá… – isso fez com que acalmasse… Até disse para um: "Aproxime-se, aproxime-se! Com uma "coisa" dessas não mão só pode ser boa pessoa!" "É um dos nossos!" Ao que o outro respondeu com uma gargalhada e aproximou-se, juntamente com as simpáticas companheiras que me fizeram festinhas – Parece que se chama Paulo Martins.

    Mas, a "caçada" continuava muito estranha…. "Aqui hà gato…" Pensei eu. "Andam a tramar alguma…. Não hà cache nehuma à vista, nem sítio onde se esconda um caixinha de comprimidos e vêm práqui estes manganões todos juntos, cheios de sorrisos…"  – Mal sabia eu, naquele momento, o que me estava para acontecer…

    Quando o local já estava cheio, e até já metia mesas, papéis, cartões, clips que se partiam, carrinhos de bebés, bebés de carrinho… até um triciclo enorme de um Francês que fala Português…, começaram a juntar-se ao molhinhos e a ler uns papéis que tinham a coordenadas para a "verdadeiras" caches! Enfim! Sempre vamos dar uma voltinha!
    Logo quando eu começava a gostar de reencotrar o "PH" e o Lobo é que nos vamos embora… mas tábém! Eles, parece que iam ficar por ali…

    O meu "motorista" calhou na equipa do "Resmungão" e da "Dona Elvira" e parece que faltava o "Coxo" mas não veio a tempo e, depois de confirmarem por telelé, lá começámos a andar.

    Estratégia definida; "Introduzimos os pontos todos e começamos pelos que têm coords. mais parecidas com o ponto de início e vamos seguindo sempre assim; Para o mais próximo a seguir", disse um deles – Grande estratégia… Devem ter feito quase todos assim….

    Chegados ao primeiro ponto, já eu andava a vaguear por outros interesses. De tal modo que o meu "motorista" teve que vir atrás  buscar-me e quando chegou perto da equipa, já tinham encontrado a "cache". Qual "cache"?  Um etiqueta? Para ler uns números e umas letras? Então… e onde é que o Diamantino coloca o porta-chaves? Esta "caçada" é mesmo esquisita… e continua assim durante várias "caches". De vez em quando, cruzam-se com os outros grupinhos e começam todos às bocas e piadinhas; "Foi por ali!", "Vi-a colada ao pelo de um cão preto!" – estariam a falar de mim? – "Olha o limite de velocidade!" e coisas no género… mas lá se iam entretendo e quando encontravam uma das "caches" o meu "motorista", que passou a tarde a espreitar debaixo de caixotes de lixo e debaixo de bancos onde estavam velhinhas sentadas, dizia logo muito esbaforido; "Depressa, vamos embora antes que os outros nos vejam aqui ao pé dela! " Não percebo… se ele queria as "caches" só para ele, porque qué´que não as levava com ele?!!…

    Numa destas vezes, passámos pela eqyipa do Paulo Mateus e entreguei-lhe o "TB" do Diamantino. Se o "Resmungão" soubesse onde é que ele vai parar…. hihihi!

    Bom. Andavam tão entretidos nisto que, a certa altura, afastaram-se de mim sem me dizerem nada, e fiquei com a impressão que se queriam ver livres de mim… Mas parece que não. O meu "motorista" veio buscar-me e começou a chamar por mim e a assobiar-me para mim. Mas, era tanta gente e tanto barulho de conversas que eu só dava saltos e corria, corria a tentar encontrá-lo – parece que corria em sentido contrário àquele onde ele estava… mas corria na mesma!  "2 quilómetros!" disse ele. "Fizeste-me andar para trás, 2 quilómetros!" gritava ele…. Eu não sou "motorista"… sei lá o que é que são "quilómetros"… Depois começou a andar depressa para se juntar à equipa e, deixem-me que lhes diga, nesta altura ele já tinha a língua mais comprida que a minha!  Eheh!! Não o imaginava com a língua tão comprida!…

    Depois deste "forcing", fiquei "encalorado" e fui tomar uma banhoca no espelho de água junto às bandeiras dos países. Que bom! As outras pessoas riam-se e o meu "motorista" encavacado, dizia à equipa para se afastar de mim porque eu ia sacudir-me… Qual é o problema? Ficavam fresquinhos também…

    Mas o "atentado" estava para vir. Quando foram à procura de uma das "caches" (as etiquetas, sabem…) que o GPSr indicava que estava dentro da água… Começaram a andar à procura no corrimão, nos caixotes, nos bancos, no muro e nada! Então o meu "motorista" salta a vedação e vai para as escadas que se dirigem para a água. Procura, procura e eu fui atrás dele… Então , nos últimos  degraus, que estavam cheios de uma mistura de óleo e lodo, escorreguei e zás! Caí dentro da água! "Socorro!". Eu bem tentava nadar em direcção aos degraus.  E até conseguia. Mas quando tentava agarrar-me aos degruas, as minhas patas escorregavam naquela mistura e eu afastava-me outra vez! Isto aconteceu umas três vezes! E começava a ficar cansado e intoxicado com aquela água pestilenta! Entºao, o meu "motorista" fez uma coisa que não me esqueço. Ajoelhou-se nos degraus "negros" e, mesmo com o perigo de ele também escorregar, agarrou-me por uma das patas e puxou-me. Não imaginam o alívio que senti! Fiquei tão contente e aliviado! Estava a ver que ficava ali! Francamente… "atirarem" com uma das "caches" para a água… Queriam "eliminar" a concorrência ou quê? Lá por eu andar a descobrir as caches mais difíceis não era caso para isso… Ficaram todos um bocado assustados, também,  e decidiram saltar aquela – "Esta deve ser prá treta"…

    Passado o susto, continuámos as "caçadas" às etiquetas ("Caches", sabem…). Passámos pela equipa do Ricardo  e lá andava ele à procura da "cache" (uma das que nós já tinhamos encontrado), enquanto o resto da equipa descansava à sombra da "bananeira"… coitado. O meu "motorista" ainda lhes atirou: "Ei! Isto é para procurarem todos…" Mas os outros não ligaram muito e o Ricardo lá ficou a procurar sózinho, enquanto nós nos dirigíamos aos Jardins Garcia da Orta e depois em direcção à zona da Torre Vasco da Gama, sempre a "somar". Quando encontrámos a "cache" que estava na estrutura metálica, pintada de verde, só faltavam umas duas ou três e pareciam que estavam em direcção ao ponto de partida… Grande erro, como se iria ver mais tarde…

    Passámos por um casal que já tinhamos encontrado várias vezes em sentido contrário – era a terceira vez que aquilo acontecia. O meu "motorista" comentou sorridente: "Parece que andamos com estratégias opostas!" Ao que eles concordaram sorrindo, também. Seguimos em direcção à estrutura em madeira e …mais um caixote de lixo… Terminada esta, aparece o "Franciú"  já sem equipa! "Os pequenos não aguentam. E sózinho ando mais depressa…" Pois… o meu "motorista" começou a pensar nesta altura que o jogo estava a corre-nos bem mas ia ser impossível ganhar ao Michael. Entretanto, ele encontra também a do caixote de lixo debaixo do telhado de madeira e corre para se junatar a nós. Também tinha a língua de fora mas pergunta: "Quantas é que vos faltam? Duas? A mim só falta uma…." Prontos! Está feito… Isto tudo enquanto se descobre uma etiqueta colada no rabo do "Gil"… Posto isto, o "Franciú" começa a correr em direcção à da "agua" e ao posto de controle e a nossa equipa a pensar que o 2º lugar já era bom…

    Então… dá-se a bronca: As duas que nos faltavam eram a da água e … uma que estava a 1500 metros em direcção à Ponte Vasco da Gama! E nós perto do Pavilhão de Macau a andar em direcção à da "água", para fazer mais uma tentativa (just in case…)! Prontos! Vamos ficar na cauda da tabela – Também… não sei qual é o porblema com a cauda… A minha ajuda-me a equilibrar nas "curvas apertadas"…

    O "meu" motorista" ainda pergunta ao "Resmungão" se valia a pena ir lá "buscar" aquela, ao que ele responde que "vale sempre a pena…" E, lá vamos nós "pelo espírito da coisa" a caminho da Ponte Vasco da Gama… Quando passámos pelo meio de uns carros onde estava um homem a meter a cahve na fechadura do carro, o "Resmnungão" grita para a "Dona Elvira": "Está armadilhado" Eheh! Ele pensava que o tipo estava a "alçar a perna"!  Pensam que eu não reparei?…

    Chegados à "cache" que estava lá longe, no meio de um pontão, verificou-se que era outra das difíceis… 15 minutos à procura dela… Andaram a espretiar debaixo dos caixotes, no alto dos candeeiros, debaixo do potão… e nada! Até espreitaram debaixo de um banco onde estavam umas velhinhas sentadas! As velhinhas, educadas, como viram que eles eram mesmo "tarados" foram-se embora para não espetarem com uma mala na cabeça do meu "motorista" que teimava em espreitar debaixo das pernas delas… E, afinal, não estava lá! Estava num local onde já tinham procurado. "Ceguetas"!

    Quando começaram finalmente a regressar, cuzaram-se com algumas equipas de entre as quais aquela onde estava o Pedro Cardoso – aquele que anda com aranhas no bolso.

    Andaram. andaram…. – A "Dona Elvira" deve ter quimado celulite para um mês… e quando se aproximaram da "cache da água", eu fiquei al longe…. Não queria sujeitar-me a ser "eliminado" de vez… Não conseguiam encontrar e quando estavam para desistir, o Diamantino viu a "cache" finalmente. Estava a cerca de 20 metros do meio da água que era onde as coordenadas indicavam…. Aquilo deve mesmo ter sido "tramóia"…

    Bom. Todas as "caches" encontradas mas um rôr de tempo gasto… Vamos lá a ver o que isto dá… "Quantos é que já chegaram?" Pergunta o meu "motorista". Três, responde um dos da organização (os "conspiradores", sabem…). "Quarto lugar…" Se os códigos estiverem todos bem…

    Entretanto, ali estavam as meninas da "Red Bull"! "Boi Bermelho"?! O que é isso? Bebe-se? Eles beberam…

    As restantes equipas iam chegando e aparece o "quinto" elemento da nossa equipa! O "Ulisses" Estive "para morrer esta noite…" Disse ele. E eu? E eu? Estive para morrer esta tarde…

    Entretanto, já tudo mais calmo, umas "taurinas" pela garganta abaixo (não a minha apesar de o meu "motorista" me ter tentado….) e o dia estava a acabar para mim. Que? Houve mais "programa"? Que´que foi? Que´que foi? não me digam que andaram "na Braza" e depois agarraram-se "às bolas"…

    Para mim foi o fim do dia em que "ia indo"…

    Chegado a casa, fui logo saciar-me de água (sem taurina)  e descansar as minhas patinhas que estavam a arder…

    Ufa! Prefiro as caches "maradas" do Diamantino.

    PS: Foi um dia "Em Cheio"!  

Leave a Comment


Geocaching@PT 2008 · Powered by WordPress
Disclaimer · Contact Form
Stats: 34 queries in 0.464 seconds.