GPS usado como ferramenta de assédio

2 Cotas - 2004/09/09

Um homem foi preso na Califórnia por ter colocado no carro da ex-namorada um sistema de geo-posicionamento, controlando desta forma os seus passos.

Um californiano de 32 anos, Ara Gabrielyan, foi preso por andar a controlar a posição exacta da ex-namorada, através de um telemóvel com GPS colocado pelo próprio no seu carro.
Segundo a polícia local, "isto é o que se pode considerar de assédio do século XXI". Depois de a namorada, de 35 anos de idade, ter terminado a relação, Gabrielyan teve acesso a todos os locais onde ela tinha estado, como lojas e aeroportos e dezenas de outros locais. Para tal, apenas teve de anexar ao carro dela um telefone celular com um sistema de posicionamento que, de minuto a minuto, transmitia um sinal para um satélite. Esta informação era, de seguida, enviada para um web site que permitia a Gabrielyan saber a localização exacta da sua ex-namorada que, por razões óbvias, não foi identificada.
A visada apenas conseguiu descobrir o que se estava a passar quando, um dia, descobriu Gabrielyan debaixo do seu carro a tentar mudar a bateria do telemóvel.
De acordo com a investigação policial, Gabrielyan planeava, passados seis meses, matar a ex-namorada, suicidando-se em seguida. No entanto, este facto ainda não foi provado, não podendo ainda ser considerado uma acusação. Caso venha a acontecer, a pena pode ir até aos seis anos de cadeia.

1 response so far ↓

  • 1 Anonymous // Jan 13, 2005 at 09:17

    LOL! OMG!

Leave a Comment


Geocaching@PT 2008 · Powered by WordPress
Disclaimer · Contact Form
Stats: 35 queries in 0.243 seconds.