119º Meetup de Lisboa, 9 de Agosto de 2013

jasafara - 2013/09/04

Quando me registei no Geocaching@PT em 22 de Agosto de 2008, poderia logo ter participado no 60º Meetup de Lisboa que se realizou em 16 de Setembro.

Quando na verdade comecei a fazer caches em Agosto de 2009, poderia ter participado no 72º Meetup de Lisboa, em 11 de Setembro, com acta feita pela rifkinda à falta de estreantes.

Quando foi assinalada a 100ª edição em 17 de Janeiro de 2012, indiciei a minha vontade de participar, mas não me foi possível.

Finalmente à 119ª edição e passados quase 10 anos sobre a sua primeira edição, lá participei pela primeira vez neste que é o pai e a mãe de todos os meetups.

Pelo que ouvi e li nas actas, foi um meetup razoavelmente concorrido em que estiveram e por ordem de chegada (e com agradecimento ao MAntunes por me ter fixado e enviado por SMS os nomes), MAntunes e Mila, Jasafara, Clcortez, lufi69 e golfinhita, CPTeam com a filhota, Rifkindsss Timearth, Bringer e Baíavieira.

Ou seja todos habitués, menos eu próprio. No entanto já conhecia todos os participantes, uns mais do que outros.

Como estreante procurei chegar cedo e efectivamente ainda só lá se encontrava o MAntunes e a Mila. Primeiras conversas na fila para os hambúrgueres gourmet do H3, em que aproveitámos para falar de caches gourmet lá para os lados de Beja.

Depois chegou o Clcortez e os restantes foram chegando enquanto já degustávamos o jantar.

A Rifkinda chamou-me a atenção que deveria ter circulado mais pelos vários sub-grupos que se foram organizando. É verdade que só assim poderia ter uma visão abrangente de todo o que por ali se falou durante umas poucas horas de agradável convívio.

Circularam uns TB’s, falou-se de caches como não poderia deixar de ser, mas o grupo que mais acompanhei e que prolongou a conversa até mais tarde já cá fora, falou fundamentalmente de assuntos ligados à aviação, ligados ao aeroporto de Alcochete e propriedade de terras, base do Montijo e como os nevoeiros frequentes e densos dificultariam a sua utilização para fins civis e de complemento à Portela, Protecção civil vs Força Aérea e como as “quintas”  impediram um resgate atempado aos pescadores da Nazaré aqui há uns anos, visões diferentes sobre a utilidade das Forças Armadas, G3’s com munições reais vs FP25 e atentados em Portugal, etc, etc.

Pelo que ouvi dizer o Cláudio que tinha dito que tinha de sair dali cedo, foi um dos últimos a dispersar…Fica em acta que ele pede que o mais tardar às 22h30m o expulsem para casa…

Enfim algumas horas de boa confraternização que não precisa de evento marcado para se realizar. Por mim não tinha dúvidas que me iria sentir bem e senti.

Assim sem promessas, este foi o meu primeiro evento, mas com certeza não será o último.

0 responses so far ↓

  • There are no comments yet...

Leave a Comment


Geocaching@PT 2008 · Powered by WordPress
Disclaimer · Contact Form
Stats: 33 queries in 0.180 seconds.