Lusitana Paixão found Convento do Tomina

Lusitana Paixão - 2013/03/23

 

 

 

Este log ganhou o concurso de melhores logs de Fevereiro de 2013.

Algumas caches pertencem sem dúvida a uma restricta lista, uma espécie de bola de algodão doce branca e fofa, que teima em ficar alojada aqui bem no meio da minha barriga e me aguçam o apetite só de pensar nelas.

São aquelas caches “gourmet”, aquela fina flor do Geocaching, as caches “obrigatórias” e que nos fazem sonhar desde sempre. Acreditamos que são caches intemporais e que ficarão para todo o sempre à nossa espera, até que, um dia, a oportunidade finalmente surge e não temos como não a agarrar.

É agora ou nunca!

O Convento de Tomina tinha lugar cativo nesta lista, e quando o Prodrive confirmou esta pequena expedição fiquei francamente agradecida e deliciada por haver um lugar sobrante para mim.

Rapidamente acertámos os pormenores logísticos e lá atulhamos o Jeep de mochilas e pessoas, cada um devidamente aconchegado no seu lugar para algumas centenas de km em busca desta espécie de 7ª maravilha do Geocaching Nacional.

A semana anterior havia despertado em nós algumas dúvidas e surpresas, em particular o contacto efectuado com a Herdade da Contenda a pedir autorização de acesso. Este país já parece mesmo o Far Oeste, cada um por si e salve-se quem puder, a ocasião faz o ladrão e o valor obsceno que nos foi solicitado apenas para transpor o portão da herdade fez nascer em nós uma certeza: optar pela alternativa mais longa, a pé e a contornar toda a herdade, assim é que vai ser! E foi.

Obrigada Hulkman pelo trabalho de casa sempre perfeito e infalível. O track disponibilizado foi uma ajuda preciosa ao longo de cada km percorrido pelas margens do rio, numa paisagem de rara beleza natural que nos preencheu por completo.

No fundo fico agradecida ao Sr. que nos tentou extorquir a passagem directa, acabou por contribuir para uma experiência bem maior do que tudo o que alguma vez imaginei.

A paz, a beleza e o encanto desta caminhada na melhor companhia, foram um bálsamo para a alma.

A transposição do leito do rio para a outra margem foi sem dúvida um dos pontos altos do dia, a temperatura estava mesmo no ponto do degelo mas nada nos demoveu do objectivo e ainda nos arrancou grandes gargalhadas.

Na recta final já com o coração aos pulos, chegar ao topo da colina e ver surgir aos nossos pés o sinistro e monumental convento foi uma experiência inesquecível.

A cache apareceu sem dificuldade, ainda bem que alguém não perdeu o norte e se lembrou do tupperware…por esta altura a minha imaginação já estava a cavalgar e se fosse por mim, acho que era bem capaz de me esquecer da busca.

A hora seguinte foi dedicada à exploração do local, fascinante e incrível memória do passado ali erguida. Visitámos, fotografámos e enchemos a memória de fantásticos frames que nunca me sairão da cabeça.

A muito custo chegou o momento da despedida, e lá nos fizemos ao caminho com um olhar de soslaio sobre o ombro, um suspiro de contentamento e já a saudade.

Há lugares magníficos, não há?

Muito obrigada Raul por nos trazer até aqui pelo melhor caminho possível. Como é que descobres estas maravilhas? Um dia hei-de saber alguns dos teus segredos .

Obrigada aos meus companheiros desta indescritível viagem, no espaço e no tempo, em particular ao Gustavo pela resistência ao volante destes muitos kilómetros.

Uma cache que ficará na memória, com um simbólico ponto de favorito pela aventura no seu conjunto.
TFTC

 

 

 

2 responses so far ↓

  • 1 marco // Mar 29, 2013 at 20:36

    Muito bom

  • 2 Quim // May 22, 2013 at 12:45

    Ola, sou iniciante no geocaching mas foi com grande contentamento que no primeiro site onde entrei vi logo este imponente monumento apenas fico triste por saber que continua a cair sem que ninguém o recupere e também em saber da forma como foram tratados na entrada da Herdade da Contenda pois nem queria acreditar que vos foi solicitado algum valor monetário para poderem entrar mas é como dizem a ocasião faz o ladrão, por outro lado posso dizer que fiquei muito contente por não terem desistido e desta forma poderem usufruir deste local que tanta beleza e história tem aproveito também para agradecer a quem se lembrou de meter uma cash neste local.

    Obrigado e cumprimentos a todos

Leave a Comment


Geocaching@PT 2008 · Powered by WordPress
Disclaimer · Contact Form
Stats: 35 queries in 0.118 seconds.